domingo, 8 de julho de 2012

Por muito tempo tanta coisa se perdeu dentro das minhas recordações, Onde havia amizade, hoje há rancor. Onde havia carinho, hoje há só dor. Porém onde havia amor, habita amor pra sempre, mesmo que não esteja por completo como era, este amor dentro de mim me faz viajar por terras distantes, me faz flutuar sobre as águas, perco o sono, perco o ar, e ao mesmo tempo, este amor, devolve-me a vida, que há tanto tempo me foi roubada por seu amor. "Seu amargo e venenoso amor."

por Ingrid Lowshen